PÁGINA PESSOAL DE PEDRO LARANJEIRAPULSAR

COMENTÁRIOS AO LIVRO          

Jorge Castro Anda-me este PULSAR pulsando na mochila dos caminhos de fim de semana.

Não é todos os dias que se recebe de alguém algo que é tão "ele". Na verdade, não apenas cruzei contigo e através do teu livro algumas vidas que partilhas, como me pareceu ouvir-te dizer, de viva voz, nos sítios mais improváveis a que aqueles fins de semana me levaram, os poemas deste PULSAR.

Depois - e sempre muito longe do literato que não sou - sentir esses poemas quase sempre não redondos, ásperos, pedregosos, de Pedro e de pedra...
Há sempre neles a certeza de um caminho e a incerteza de uma chegada. É um PULSAR inquieto, ríspido talvez, quase ansioso.

É uma dádiva, amigo, que a poesia mostre de nós (de ti) o tanto que a vida esconde...

Fica este teu livro, Pedro, na nossa sala de troféus. Aquela onde só guardamos coisas vivas.

Um abraço... e até novos poemas.

Anabela Rodrigues O livro é parecido com a imagem que guardei de ti, de um homem "engagé", apaixonado, tenro e profundamente sensual, cheio de convicções cheio de vontade de as afirmar contra tudo e contra todos (mesmo que não haja ninguém contra). Se não soubesse, desconfiava que o livro era teu...

Fica bem com quatro braços, para um belo abraço.